Acessibilidade

Vinte e quatro estabelecimentos são fechados e cinco pessoas presas pela Central de Fiscalização

Coordenada pela Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM), a Central Integrada de Fiscalização fechou 24 estabelecimentos e prendeu cinco pessoas em nova ação neste final de semana, em Manaus. Os locais foram fechados por descumprimento das normas de prevenção no combate ao novo coronavírus.

 

Foram vistoriados 61 locais, entre eles um no bairro Cidade de Deus, na zona norte da capital amazonense, fechado por falta de licença, aglomeração e outras irregularidades. Já na zona centro-sul, um evento clandestino em uma chácara no bairro Flores foi interditado após denúncia anônima. Pelo menos 4 mil pessoas estavam no local. O responsável pelo evento foi encaminhado à delegacia por vender bebidas alcoólicas para menores de 18 anos.

 

A fiscalização é parte das ações para prevenção à Covid-19 e acompanha o cumprimento das normas sanitárias e de decreto governamental. Participam das ações órgãos estaduais, como SSP-AM, Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros Militar (CBMAM), Ouvidoria Geral do Sistema de Segurança Pública e Defesa Civil, e municipais, como a Vigilância Sanitária Municipal (Visa Manaus), Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (Immu) e Casa Militar do Município.

 

Para fazer denúncias e colaborar com o trabalho de fiscalização, a população pode ligar para o 190, do Centro Integrado de Operações de Segurança (Ciops), ou o 181, o disque-denúncia da SSP-AM.

 

FOTOS: Carlos Soares/SSP-AM


Reportar Erro